Como escolher o tipo de bomba de calor?

tradicionais

As caldeiras dividem-se quanto ao tipo de combustível, quanto à sua utilização e quanto à sua tecnologia.
Instantâneas ou de aquecimento para depósito e com circuito de aquecimento central. Todos os modelos podem ser combinados com um sistema solar.

condensação

As caldeiras de condensação, graças à sua tecnologia, permitem reaproveitar grande parte da energia que nas caldeiras tradicionais se perde, e assim os gases são reaproveitados em forma de vapor de água, reduzindo assim o consumo de Gas até 30%.

Se pensar no valor da sua factura anual de gás e agora também na subida da taxa do IVA sobre o gás natural para 23%, maiores são as vantagens desta solução.

biomassa

As caldeiras de biomassa foram desenvolvidas para a produção de água quente para produção de águas quentes sanitárias (A.Q.S.), aquecimeto central (radiadores convencionais, pavimento radiante, etc.) ou aquecimento de piscinas a partir da combustão de resíduos sólidos tais como: pellets de madeira, casca de amêndoa, bagaço de azeitona e caroço de azeitona.

Comparativamente com o gasóleo de aquecimento, a biomassa representa uma poupança de 60%

As caldeiras de biomassa foram desenvolvidas para a produção de água quente para produção de águas quentes sanitárias (A.Q.S.), através de um acumulador externo, aquecimento central (radiadores convencionais, piso radiante, etc.) ou aquecimento de piscinas a partir da combustão de resíduos sólidos tais como: pellets de madeira, casca de amêndoa e caroço de azeitona.
Comparativamente com o gasóleo de aquecimento, a biomassa representa uma poupança até 60%
O investimento adicional na compra de uma Caldeira de Biomassa em comparação a qualquer caldeira de gasóleo ou gás de botija fica amortizado em menos de 24 meses e em menos de 36 meses se compararmos com caldeiras de gás natural inclusivamente de condensação. Como único inconveniente salienta-se o facto de ser necessário carregar o silo com pellets com alguma regularidade. Este inconveniente pode ser facilmente ultrapassável com a utilização de um silo maior.

A biomassa é hoje uma importante fonte de energia renovável em Portugal. As nossas florestas necessitam de ser limpas e tratadas para prevenir incêndios. Com a limpeza conseguem-se enormes quantidades de lenha e outros resíduos que se podem aproveitar. Adicionalmente, como os resíduos produziram oxigénio durante o seu tempo de vida, em comparação com os combustíveis fosseis, a biomassa, não polui.